Diminuir texto Ampliar texto

Dia da mulher: todos os dias.

por Colaboradora Central
 
8 de março de 2018
 

IBC01918B_imagem_site

Força, perseverança, sensibilidade e muita fé, essas são apenas algumas características das mulheres sábias mencionadas pelas escrituras. Fundamentais nos mais diferentes contextos, elas são um exemplo da grandiosidade que os propósitos de Deus podem alcançar na vida daquelas que se comprometem verdadeiramente com Cristo.

Contudo, infelizmente, os mais diversos tipos de opressão e violência são praticados contra mulheres em todos os lugares do mundo comprometendo sua saúde física, emocional e espiritual. A falta do amor de Cristo e a abundância do pecado se enraizaram na nossa sociedade e são as responsáveis por esse sofrimento massivo e muitas vezes silencioso.

Por isso cabe a nós, igreja, criar um ambiente de aceitação e afeto no qual praticamos e ensinamos o valor da vida baseados na Palavra de Deus e no respeito ao próximo. Assim nossas esposas, amigas, filhas, mães, sobrinhas, primas e irmãs podem ter dignidade e segurança para atender seus respectivos chamados, tornando a igreja mais saudável assim como as famílias que fazem parte dela.

A bíblia também nos alerta sobre o equívoco de usar a beleza exterior como critério para determinar o valor feminino. O capítulo 31 de Provérbios  louva como modelo exemplar uma mulher forte, proativa, dedicada em todos os aspectos e temente ao Senhor. Assim fica claro que esse também deve ser o ideal valorizado e perseguido por todas nós.

Com tudo isso podemos afirmar com convicção que as mulheres são parte essencial da estrutura que mantém a igreja de Cristo atuante. Por isso queremos que cada uma delas reconheça seu próprio valor, se sinta amada por Deus e respeitada por todos, não só no mês de março, mas todos os dias.